Queen B’day: os 57 Anos de Madonna!

O que se espera de um texto que celebra Madonna?

Hoje ela comemora mais um ano de vida – são 57 – e muito me incomoda todas as últimas polêmicas que envolvem o nome dela. Seja o vazamento do álbum, seja o tombo no Brit Awards e ela sendo ridicularizada por uma enxurrada de comentários maldosos, os haters invadindo suas fotos no Instagram e espalhando ódio. Mas é de polêmica que a carreira dela sempre se sustentou.

Entretanto, o que me espanta ainda mais é o fato de que parece que as pessoas (ou uma grande parte) parecem ter esquecido ou simplesmente resolveram negligenciar o que a Madonna foi, é e o que ela ainda representa em todo o cenário musical e comportamental neste mundo.

Nenhuma mulher foi tão ousada, pra frente, precursora e ditadora de moda e de comportamento quanto Madonna. Quebrou tabus e definiu a cultura pop que conhecemos hoje.

NENHUMA das cantoras da cena atual podem falar que não foram influenciadas por Madge. Pode soar pretensioso, mas nenhuma delas estaria aí se não fosse por ela.


O POP não seria o POP se não existisse Madonna. São mais de 30 anos de carreira e sendo relevante. Qualquer coisa que ela lance, mesmo que não venda como antes, causa um rebuliço de curiosidade. Seu último álbum, Rebel Heart, apesar de não ter se mantido nas paradas após o lançamento, foi defendido por inúmeros críticos musicais como um de seus melhores trabalhos. O caminho estava certo, mas o mercado mudou.

É um desperdício fãs de outras fanbases ficarem atacando ou perdendo tempo em discussões que envolvem aquilo que não há o que discutir.

O respeito e reverência ao seu legado não pode se perder. Ninguém coloca em dúvida o legado de Paul McCartney ou de Micki Jagger (e nem deveria), que construíram suas carreiras em cima de bandas. Madonna não. Artista solo. É única. Ou você consegue ver outras Madonnas por aí?

À ela só desejamos ainda mais talento e um caminho cheio de coisas boas, porque foi ela quem nos presenteou e transformou positivamente a nossa sociedade. E mês que vem teremos mais um presente: a Rebel Heart Tour. De verdade, ela faz música que INSPIRA!

PARABÉNS!!!

Tagged with: