Brigas de fan bases – futilidade com falta de pica!

Brigas de fan bases podem ser classificadas como as brigas de torcida organizada no futebol. A única diferença é que não há morte, como em alguns casos no esporte, mas o drama é incrivelmente superior. Já a futilidade é tal e qual.

Falar que sempre existiu não é exagero. Mas o fenômeno ganhou força em meados dos anos 90 quando as boybands e girlbands proliferaram no mundo todo e os fãs começaram a se digladiar para mostrar que o seu ídolo era superior ao outro. Os fã clubes ajudavam a criar essa atmosfera de competição. Pode-se dizer que o extinto Disk Mtv (o primeiro e certamente o único programa relevante de paradas de videoclipes no Brasil) também ajudou a criar essa mentalidade, pois a disputa diária para ver seu clipe favorito numa posição mais alta da parada trazia justamente isso: a disputa pra ver quem é o melhor.

Britney-Spears-Xtina-AguileraEntraram os anos 2000 e com o avanço da internet tudo ganhou proporções inimagináveis. Principalmente pelo fato de que muitos ainda acreditam que a rede é uma terra sem dono e podem emitir todo e qualquer tipo de comentário ou opinião sem medir as consequências que tal fato pode ter.

É triste pensar que as pessoas percam o seu tempo gastando sua energia em criar picuinhas e ficar forçando a barra só pra provar que uma diva ou outra tem mais números “1s”, mais views no YouTube, mais seguidores no Instagram… tudo e qualquer bobagem é motivo para se criar uma situação medíocre e injusta.

madonna-lady-gaga-28092012Nos últimos anos só quem não viveu neste planeta ou completamente avesso ao mundo do entretenimento pode não ter visto as encrencas e discussões fervorosas entre fãs de Lady Gaga e Madonna. A disputinha pífia do momento é entre fãs de Taylor Swift e Katy Perry. Já houve o tempo também das disputas entre fãs de Beyoncé e Rihanna.  Os seguidores de Demi, Selena e Miley também garantem uns socos e pontapés virtuais pra lá e pra cá. E quem não lembra as inúmeras notícias, alimentadas por uma mídia chula e desesperada, no que podia ser tratado como a disputa da virada do milênio, entre Britney e Aguilera.

Fato é que muitas vezes os ídolos não se importam com tamanha repercussão das brigas que muitas vezes são criadas pelo próprios fãs. Não se importam uma ova! Se importam sim, mas não fazem nada pois garantem que os boatos e a polêmica ganhe força e tome conta das mídias sociais fazendo o seu nome estar sempre presente e com alguma evidência. Nome em evidência faz o seu cofre humor estar em ascensão e com calibre pra enfrentar quantas rixas for preciso.

Assim como no futebol, essas picuinhas indicam só uma coisa: falta de pica para acalmar os ânimos e cuidar da própria vida.

zfq8ig