Álbum: Coldplay – A Head Full Of Dreams

Ah Coldplay, provavelmente a banda rock que os fãs de música pop mais gostam. E provavelmente o novo álbum vai intensificar ainda mais este status.

Só ouvir a faixa título A Head Full Of Dreams e eu já comecei a pensar “Meu Deus! Que maravilha é essa! Que delícia de música é essa que muda a vibe toda da banda desde o álbum anterior – Ghost Stories – que era sombrio e taciturno? Me dê mais disso por favor”! Daí vem Bird, toda alegrinha também, com todos os elementos alegrinhos também (guitarra, bateria, teclado).

Na sequência, Hymn For The Weekend, com Beyoncé. Encorajante e estimulante é pouco pra definir essa faixa. Beyoncé canta sozinha na intro e no fechamento da música e nos refrãos é quase que backing vocal de Chris Martin, e não é pra qualquer um que ela faz isso hein. Isso que eu chama de parceria vitoriosa. “Got me feeling drunk and high” (Me faz sentir bêbabo e alto) é a frase da canção que melhor descreve o sentimento após ouvi-la.

A baladinha Everglow conta com a participação de ninguém menos que Gwyneth Paltrow, ex-exposa de Chris Martin., nos backing vocals. Com uma letra bem pessoal, expressa bem que o fim de um relacionamento fere, porém os lados estão em bons termos agora. “So I hope things move on. Come cast no stone” (Espero que as coisas sigam em frente. Que ninguém atire pedras) deixa claro Chris Martin.

Seguindo, o primeiro single, Adventure of a Lifetime, retoma a vibe alegre e te faz querer dançar… isso mesmo, dançar ao som de Coldplay, quem diria? Já podemos ouvir essa canção ecoando nos estádios.

Fun, com participação da sueca Tove Lo reflete novamente um relacionamento acabado, fazendo a linha “foi bom enquanto durou”. “Didn’t we have fun?” (A gente não se divertiu?) Chris e Tove Lo perguntam repetidamente. Com essa música especificamente talvez não! 🙁 .  Kaleidoscope é a leitura de um poema motivacional ao som de piano que depois engata Barack Obama (ele mesmo, você não leu errado) cantando ao fundo. Enfim, essa faixa tinha que estar aqui? Army Of One, como o título sugere, é sobre auto-superação. “My heart is my gun. Army of one” (Meu coração é minha arma. Exército de um) ouvimos no refrão. Coldplay quer atirar amor pra todos lados, entendemos.

Na Amazing Day, seguindo a sequência dos fatos aqui, parece ser o momento apropriado pra se reencontrar com a felicidade e deixar isso bem claro. Colour Spectrum começa com som de pássaros (!!!) e sustenta a atmosfera otimista. Up&Up fecha o álbum. Detalhe para a frase “See a bird soaring high above the flood” (Vejo um pássaro sobrevoar alto a inundação). Esses pássaros aqui de novo!

Coldplay soa mais pop que nunca e é muito gratificante perceber que a felicidade foi alcançada. Se este for o último álbum do Coldplay, como já ouvimos dizer (mas esperamos que não), eles finalizaram muito, mas muito bem.

Veredicto: 65/100

Faixas que você deve ouvir senão estará perdendo tempo de vida: “A Head Full Of Dreams”, “Adventure of a Lifetime”, “Hymn For The Weekend”, “Army Of One”.