Cinco Surpresas e Cinco Fracassos de 2015

Eita ano de 2015 que deixará saudades, não?
Pra muitos não.

São inúmeros os lançamentos ano a ano e é quase impossível prever o que ou quem fará o devido sucesso. Bom seria, obviamente que todos tivessem seu espaço, seu ápice, mas infelizmente o mundo não é como queremos.

Recordamos aqui cinco dos maiores fracassos do ano e cinco pessoas que nos surpreenderam muito em 2015.


cinco surpresas

Falemos primeiramente sobre as surpresas que 2015 nos trouxe.

Justin Bieber
Justin Bieber vinha de polêmicas. Uma depois da outra o cantor parecia não saber mais para qual rumo levaria sua carreira, em partes pela fama precoce repentina e excessiva em outras pela sua própria irresponsabilidade.

JustinBieberPurpose

Mas as coisas passaram a mudar quando o canadense se juntou ao Diplo e Skrillex no projeto Jack Ü e resultou na parceria Where Are Ü Now, a canção explodiu (quase que literalmente). Daí veio seus singles solos como What Do You Mean e Sorry que junto de seu álbum, o Purpose figuram nos principais charts pelo mundo.

Justin Bieber por exemplo é o primeiro cantor desde os Beatles, em 1964, a ter três músicas no top 05 dos charts do UK, chegando até a ocupar o primeiro e segundo lugar, algo que não acontecia desde Madonna em 1985!

Diplo
Esse foi um ano e tanto também para Diplo.
O cara lançou dois álbuns, o Jack Ü projeto em parceria com o DJ e produtor Skrillex e um novo trabalho de seu projeto Major Lazer.

https://i1.wp.com/thumbnail.mixcloud.com/w/300/h/300/q/85/upload/images/extaudio/d4d2f25e-a48a-4e25-a432-9014018d6215.jpg?w=980&ssl=1

Com isso ele teve canções como Lean On e Where Are Ü Now no topo das paradas musicais em todo o planeta. Recebeu ainda indicações ao próximo Grammy, em melhor gravação dance e melhor álbum dance/eletrônico.

Além de suas realizações próprias, o cara ainda participou na produção do Rebel Heart da Madonna.

Drake
O rapper descontente com seu contrato com sua gravadora, a Cash Money,  lançou duas mixtapes esse ano.

Drake

Uma em parceria com o rapper Future, intitulada What A Time To Be Alive e a mais bem sucedida If You’re Reading This Is Too Late indicada ao Grammy, inclusive.

Além desses dois feitos, Drake ainda garantiu um sucesso repentino e enorme com seu mais novo single Hotline Bling, que ainda conquistou o coração dos críticos, já que figurou basicamente em todas as listas de melhores músicas do ano, além de ter ganhado um vídeo maravilhoso.

The Weeknd
Abel Makkonen Tesfaye, ou popularmente conhecido como The Weeknd, jamais irá esquecer o ano de 2015.

51a60fbb7daba6e6fbc0d3b47e34017dce6f3921

Depois de alguns trabalhos não reconhecidos e algumas produções para outros artistas, The Weeknd participou da trilha sonora do filme Cinquenta Tons De Cinza, adaptação do Best Seller de E.L. James.

Sua canção para trilha, Earned It, caiu nas graças do público se tornando um dos maiores sucessos do ano, indicado inclusive ao Grammy e Globo de Ouro. Logo então veio mais dos seus feitos: seu álbum Beauty Behind The Madness.

Além de ser um dos mais vendidos do ano, o álbum foi responsável também pelos singles The Hills e Can’t Feel My Face, sendo esses os maiores sucessos do ano!

The Weeknd é um dos poucos cantores a ocupar o primeiro e segundo lugares no Hot 100, por exemplo, e perder o primeiro lugar para si mesmo.

Adele
Talvez não seja novidade (e na verdade não é) ela figurar aqui nessa lista.
A verdade é que todos nós esperávamos, sim, que Adele roubaria todos os holofotes possíveis para si, mas o resultado é quase assustador.

adele-25-capa

A ansiedade pelo seu novo álbum era enorme, e depois de tanto esperarmos ela anunciava em outubro seu novo single, Hello, e seu novo álbum 25 para novembro.

O resultado bem, foi maior que esperávamos: Em menos de um mês Adele ultrapassou as 5 milhões de cópias vendidas só nos EUA -pra efeitos de comparação, Taylor Swift (que tinha o álbum mais vendido do ano, até aqui) e seu 1989 só atingiu a marca no início desse mês, sendo que o álbum foi lançado no fim do ano passado. No mundo todo, Adele já ultrapassou as 8 milhões de cópias.

Teve o álbum mais vendido em sua primeira e segunda semanas nos EUA e a maior estreia nas vendas no UK.

Possivelmente enquanto escrevia essa matéria, Adele deve ter batido outros recordes.


cinco fracassos

O ano foi definitivamente ruim para esses aqui citados.

Hilary Duff
Sete anos sem lançar algo novo, resultaria obviamente em altas expectativas.

Com Hilary Duff não seria nem um pouco diferente. Com seu novo álbum Breath In. Breath Out. a cantora viu que sua popularidade pelos EUA, principalmente, desapareceu nesses sete anos.

Hilary-Duff-Breathe-In-Breathe-Out-560x560

Seu álbum não vendeu bem, a crítica também não gostou, e o público infelizmente também não se agradou.

Seus singles (incluindo a maravilhosa Sparks) também não obtiveram bons resultados fazendo com que a cantoria junto de sua gravadora desistisse de promover mais coisas do álbum

Ciara
Ciara já não sabe o que é estar no auge já faz um certo tempo e isso é uma verdadeira injustiça. Após passar um momento conturbado na vida pessoal, a cantora entrou em estúdio para produzir o sexto álbum de sua carreira, que se chamaria Jackie.

https://upload.wikimedia.org/wikipedia/en/0/06/Ciara_-_Jackie_(Official_Album_Cover).png

O primeiro single, I Bet, até foi bem nos charts do gênero, o público gostou, a crítica também. Mas as coisas boas param por aí mesmo…

A receptividade do álbum foi uma decepção na carreira da Ciara e uma decepção maior ainda para a gravadora, que pelo que notamos, parece ter desistido de promover o álbum.

Gwen Stefani
Gwen Stefani desde 2006 não lançava nada novo em carreira solo e ano passado iniciava sua tentativa de voltar com sua carreira.

Porém, não tem dado muito certo.

gwen_0

Em uma entrevista ao The Sun em 2012 quando estava pra lançar um novo trabalho do No Doubt, Gwen disse que nunca mais iria lançar nada solo. Não se sabe o que a fez mudar de ideia, porém sua tentativa de retorno não teve efeito nenhum.

Ano passado ela lançou dois singles e prometia um álbum novo para 2015, porém esse álbum nem chegou a acontecer e já foi adiado pra sabe lá Deus quando. Ela ainda chegou a lançar um novo single, Used To Love You, que no mesmo passo de seus antecessores, foi fadado ao fracasso comercial.

Ne-Yo
Três vezes vencedor do Grammy, inúmeras vezes indicado. Hits #1 nas principais paradas musicais e principais rádios. Álbuns reconhecidos e elogiados pela crítica especializada e pelo público.

ne-yo-non-fiction-thatgrapejuice

Tudo isso parece ter ficado completamente no passado quando em janeiro, Ne-Yo lançou mais um álbum, o Non-Fiction.

Pra resumir: alguém lembra que Ne-Yo lançou um disco novo em 2015? Poucos.

Britney Spears
Seu último álbum, Britney Jean, foi uma decepção e isso é fato que infelizmente devemos reconhecer.

https://upload.wikimedia.org/wikipedia/en/2/25/Britney_Spears_-_Pretty_Girls_(Official_Single_Cover).png

Sendo assim, Britney Spears estava disposta a voltar com tudo, e convidou a até então hitmaker Iggy Azalea para uma parceria, que não deu nem um pouco certo.

Pretty Girls é definitivamente ruim.

E como música ruim, fracassou nas vendas, na audiência das rádios, com fãs, com o público em geral.