Raul Seixas: O poeta eterno

Quantos artistas já não passaram por esse planeta como um cometa?
E quantos já nos deixaram saudades sem mesmo termos tido o contato com eles?

Raul Seixas é sem dúvida um deles, será lembrado sempre quando revisitarmos músicas revolucionárias e mitos que viraram de cabeça para baixo a música e o cenário nacional. A cultura, os costumes e até outras artes forma influenciadas pelo gênio.Suas letras viajavam entre o realismo e o surrealismo. Tinha métodos de trabalhos que para a época eram “diferentes”.

Talvez não tenhamos nunca mais um novo Raul Seixas, sendo assim podemos e, principalmente, devemos exaltar seu trabalho e dedicação à música. Sem ele, a música nacional provavelmente teria tomado um rumo diferente, desanimado e estranho.

Uma dica: Para quem ainda não conhece Raul e quer se aprofunda mais na cabeça do gênio, indicamos o filme de 2012 do diretor Walter CarvalhoRaul – O Início, O Meio e O Fim, documentário que desvenda sua mente, conta detalhes de seus trabalhos, as parcerias com o escritor Paulo Coelho por exemplo, sua vida pessoal e ainda como o cantor ainda conquista fãs, mesmo 26 anos após sua morte.

Tagged with: