BRITS 2019: O Que Rolou na Grande Noite da Música Britânica

Brits 2019

Rolou na noite desta quarta-feira (20), em Londres, mais uma edição do Brit Awards – o Brits, a maior premiação da música britânica. Artistas do Reino Unido e também de outros países disputaram em onze categorias o título de melhores do ano. E quem se deu melhor? A banda The 1975 que levou o prêmio de Melhor Disco do Ano, o maior prêmio da noite, e também o de Melhor Banda.

A cerimônia foi comandada, pelo segundo ano seguido, pelo ator Jack Whitehall. Um dos pontos altos da noite foi o prêmio de reconhecimento pelo conjunto da obra dado à cantora Pink, por sua contribuição ao mercado da música. Pink acumula nove indicações ao Brits, mas levou para casa apenas um único prêmio. Em 2003 faturou o troféu de Melhor Artista Feminina Internacional, categoria a qual foi indicada seis vezes.

O Brits é famoso por reconhecer o talento dos seus artistas locais que, muitas vezes, ganham fama globalmente. Mas há também espaço para artistas estrangeiros que possuem três categorias especialmente dedicadas à eles: melhor artista masculino, feminino e melhor grupo internacional.

Brits 2019 - Little Mix
As meninas do Little Mix entregaram uma ótima performance com o single ‘Woman Like Me‘, no Brits 2019.

Os VENCEDORES DO BRIT AWARDS 2019 

Onze categorias e dezenas de artistas indicados ao maior prêmio da música britânica, o Brits. Parte dos vencedores são decididos através de votação aberta ao público que podia votar nos seus artistas favoritos através do site da premiação, mas outra parte fica restrita aos profissionais que compõe o júri técnico.

Os maiores indicados do Brits 2019 foram Anne-Marie, Dua Lipa e Jess Glynne que concorreram em quatro categorias cada. George Ezra e Jorja Smith vêm na sequência, cada um disputando em três categorias.

Eis aqueles que se deram bem na edição 2019:

  • Álbum do Ano: The 1975 – A Brief Inquiry into Online Relationships
  • Artista Masculino: George Ezra
  • Artista Feminino: Jorja Smith
  • Artista Revelação: Tom Walker
  • Grupo/Banda do Ano: The 1975
  • Videoclipe do Ano: Little Mix feat Nicki Minaj – Woman Like Me
  • Single do Ano: Calvin Harris feat Dua Lipa – One Kiss
  • Produtor do Ano: Calvin Harris
  • Artista Masculino Internacional: Drake
  • Artista Feminino Internacional: Ariana Grande
  • Banda/Grupo Internacional: The Carters
  • Escolha da Crítica: Sam Fender
  • Global Success: Ed Sheeran
  • Contribuição à Música: P!nk
Brits 2019 - The 1975
No palco do Brits 2019, a banda The 1975, a grande vencedora da noite, com dois prêmios, incluindo o de Álbum do Ano.

AS PERFORMANCES

Consagrado como um dos discos de maior sucesso nos charts britânicos, a trilha de ‘O Rei do Show‘ colocou o ator Hugh Jackman entre os grandes também na música pop. E foi com a sua performance arrasadora que a premiação abriu os trabalhos. Se você é daqueles que não viu o filme, quem sabe essa performance te deixe animado para conhecer o longa:

O vencedor do prêmio de Artista Masculino George Ezra, que veio ao Brasil no ano passado, animou com seu hit Shotgun que foi o terceiro mais bem sucedido no Reino Unido, em 2018. O single atingiu a primeira posição do ranking oficial por quatro vezes.

As meninas do Little Mix nunca decepcionam com suas performances cheias de efeitos e coreografias muito bem executadas. Com participação especial da Ms Banks, as meninas provaram com Woman Like Me, que terão sobrevida, mesmo após o rompimento com Simon Cowell.

Outra vencedora da noite, a cantora Jorja Smith, subiu ao palco numa performance simples, mas sofisticada. Que voz! A apresentação da moça pode servir como um aquecimento para os fãs brasileiros que terão a chance de vê-la no Lollapalooza, que rola em São Paulo, em abril.

Um tiro é um tiro. O que falar da performance fenomenal de Calvin Harris e seus convidados mais que especiais. Em Giant, os vocais de Rag N’Bone Man; Sam Smith assume os vocais com a ótima Promises. E, pra finalizar, One Kiss, claro, com Dua Lipa, o hit que levou o prêmio de Single do Ano! Um supergrupo, uma super produção, uma grande pista de dança. Foi ótimo de ver a Dua Lipa mais a vontade com o palco, do que a na sua performance de New Rules, no ano passado. Aliás, aquela erguida de perna dela, quem aí consegue?

Jess Glynne não precisa de introdução. É a cantora britânica com mais #1s na História da Inglaterra. E tal marca alcançou apenas com dois discos lançados. Neste ano, abre os shows da turnê de retorno das Spice Girls. E fez uma brilhante performance no palco do Brits com o single Thursday com participação da cantora H.E.R. que acabou de levar dois prêmios Grammy para casa.

Os vencedores do maior prêmio da noite também se apresentaram na noite desta quarta-feira, no Brits 2019. O The 1975 levaram pra casa o prêmio principal e mais desejado, o de Melhor Álbum do Ano, e também o de Melhor Banda. Merecido?

A noite terminou com a performance de P!nk que recebeu o prêmio de conjunto da obra por sua contribuição à música. A cantora desfilou sucessos, incluindo Try, What About UsJust Give Me a Reason que recebeu a contribuição de Dan Smith, do Bastille.

Só nos resta agora aguardar a próxima edição do Brits e torcer que tenhamos tantos bons hits e álbuns a celebrar e premiar!